terça-feira, 6 de novembro de 2012

Na "Busca de Seu Prazer"...

Esse Tal de Orgasmo, de Mara Altman

Vamos à dica de hoje da L&PM Web TV. Este vídeo é uma produção do núcleo de comunicação da editora que produz vídeos diários com dicas de leitura, novidades e lançamentos da L&PM.




Da Editora:
A norte-americana Mara Altman, como tantas jovens mulheres de sua geração Sex and the City, perdeu a virgindade aos dezessete anos. Mas, aos 26, nunca tinha experimentado um orgasmo. A frustração foi transformada em uma longa jornada em busca do prazer... O resultado é um livro franco e bem-humorado, cheio de uma doce intimidade, que divertirá a todos aqueles interessados em conhecer melhor a si mesmo e as possibilidades da satisfação sexual.

Animação estará na antologia Pixar Short Collection 2

La Luna, curta animado da Pixar que foi exibido nos cinemas antes de Valente (Brave), agora está online na íntegra. Veja:


La Luna - Pixar por Spi0n

La Luna conta a história de um garoto que sai pela primeira vez para trabalhar com seu pai e seu avô. Em um barco de madeira, remam mar adentro, até que param - e esperam. Quando descobre qual é o ofício da sua família, o garoto não esconde a surpresa.

Psicodelia Brasileira

Mutantes (68) psicodelia brasileira feita na base do talento e de efeitos eletrônicos artesanais. Um dos mais significantes LP’s do Rock brasileiro.


Aproveite e escute algumas músicas


Ave, Lúcifer by Mutantes on Grooveshark
Preciso Urgentemente Encontrar Um Amigo by Mutantes on Grooveshark
Banho De Lua by Os Mutantes on Grooveshark
Desculpe, Babe by Mutantes on Grooveshark

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Páginas sem Glórias

Caríssimos leitores, infelizmente, devido a nossa reformulação e a correria habitual de final de ano não estamos conseguindo atualizar o blog diariamente. Porém, sempre que possível estaremos publicando alguma novidade deste maravilhoso universo que é a literatura. Agora vamos assistir ao vídeo da Cia das Letras sobre o novo livro de Sérgio Sant'Anna. “ficaadica”...

PÁGINAS SEM GLÓRIA é novo livro de Sérgio Sant'Anna lançado pela Companhia das Letras.



Trinca de ases na mesa. Três ficções de um consumado mestre das formas breves, que volta a confirmar sua única fórmula: nunca se repetir ― sem trair suas obsessões de cabeceira. Nestas páginas retornam muitos dos elementos que identificam e magnetizam a prosa de Sérgio Sant'Anna: o jogo voyeurístico de espelhos e simulacros, a subjetividade fraturada, o clima de violência sexual, de pulsões obscuras. São, porém, mobilizados por novo impulso, representados por outros àngulos e com tonalidades diversas. A rodada é aberta com o naipe da ficção radical, num conto em que a crítica da narrativa toma o lugar da própria e a desdobra em cascatas de vozes e sentidos, tendo no âmago a angústia do amor mal correspondido e a impotência da vontade. Na cartada seguinte, certo enviesado neorrealismo hardcore se apresenta na voz de um mendigo messiênico, com fome de operar milagres. E fechando a mão, o trunfo maior desta jogada: uma pequena obra-prima de ficção memorialista no ambiente do futebol, mas que transcende esse campo com uma tragicomédia de subúrbio para a qual Nelson Rodrigues tiraria o chapéu.