sábado, 31 de março de 2012

Birth of a Book


 
A short vignette of a book being created using traditional printing methods.
For the Daily Telegraph. Shot at Smith-Settle Printers, Leeds, England. The book being printed is Suzanne St Albans’ 'Mango and Mimosa' published as part of the Slightly Foxed series.
Shot, Directed & Edited by Glen Milner

quinta-feira, 22 de março de 2012

Flávio Tavares e David Coimbra

Da L&PM:
Quem perdeu o bate-papo entre Flávio Tavares e o jornalista David Coimbra sobre "1961 - O Golpe Derrotado", pode conferir os melhores momentos do evento. O lançamento ocorreu na Livraria Saraiva, do Praia de Belas em Porto Alegre.


A Divina Comédia, de Dante Alighieri

102° programa “Direito & Literatura”
Obra analisada: A Divina Comédia, de Dante Alighieri
Exibição: 13/03/2011
Apresentação: Prof. Dr. Lenio Luiz Streck (IHJ) 
Convidados:
Profª. Drª. Henriete Karam (Letras/ UFRGS)
Prof. Dr. Alfredo Culleton (Filosofia/Unisinos)



Direito e Literatura - A Divina Comédia from Unisinos on Vimeo.

quarta-feira, 21 de março de 2012

Coleção 64 Páginas nas livrarias

Bom dia prezados leitores! Após um breve período de recesso estamos de volta. E trazemos hoje mais uma edição do Pocket News da L&PM Web TV com a divulgação da sua mais recente coleção “64 Páginas”. Vale conferir...

Da Editora:
A "Coleção 64 Páginas" está chegando e a L&PM quer facilitar a procura dos leitores pelos livros que custam apenas R$ 5,00. Por isso, o Pocket News conversa com Fernanda Scherer, supervisora de marketing da L&PM Editores, para saber mais sobre as ações que estão sendo planejadas para o lançamento da "Coleção 64 Páginas" nas livrarias. Confira como encontrá-la nos pontos de venda!

sábado, 10 de março de 2012

Pato Donald # 1 – você saberia identificar?

A loja especializada em HQ’s Rika Comic Shop gravou este vídeo muito bacana dando uma explicação entre as diferenças da edição original de Pato Donald nº 1 e as suas reedições. Confira:

Da Comic Shop:
Aprenda a identificar um PATO DONALD número 1 ORIGINAL!
Vídeo que mostra as diferenças entre as republicações e a edição original da revista O PATO DONALD número 1, de julho/1950.
Houveram duas republicações da revista que muitas pessoas confundem como sendo originais.


Aconteceu na Livraria do Trem

A Livraria do Trem já passou por diversas fazes na cidade de São Leopoldo. Mas, sempre esteve ligada (de uma forma ou de outra) ao apoio a produção cultural na região. Como podemos ver nestes curtas de Totonho Lisboa intitulados Fulminante, In(Segurança) e Sem Dizer. Os vídeos foram gravados no início de 2008, confira.

Na Livraria do Trem você ficava, literalmente, embriagado de cultura...







Morre Moebius

Hoje o mundo dos quadrinhos perdeu um grande nome: o francês Jean Giraud, mais conhecido como Moebius, morreu aos 73 anos, após um longo período debilitado.


Para um final de semana com Bukowski...

Vamos as dicas de leitura da L&PM para este final de semana no Pocket News da editora.

Da Editora:
Hoje o Pocket News lembra Charles Bukowski, que morreu em 09 de março de 1994. A coleção L&PM Pocket publica seu romance de formação, "Misto-Quente"; o extremamente autobiográfico "Cartas na Rua" e o memorável "Mulheres". Boa leitura!


Motoqueiro Fantasma no Videocast Pipoca e Nanquim

No programa (videocast) Pipoca e Nanquim desta semana tivemos o especial Motoqueiro Fantasma onde os apresentadores nos dão algumas dicas de leitura sobre o Espírito da Vingança. Então, confira o vídeo abaixo:




Se alguém estiver interessado temos aqui duas das edições recomendadas para venda em nosso sebo “Universo Marvel Anual #3” e “Universo Marvel anual #4: Motoqueiros FantasmasCéu em Chamas” confira a foto e venha buscar a sua edição.

Lembrando que são revistas usadas e fora de circulação e sujeitas a disponibilidade de estoque.

sexta-feira, 9 de março de 2012

O ritmo e o som da Bossa Nova – Milton Banana (1963)

Influencia do Jazz by Milton Banana e o Conjunto de Oscar Castro Neves on Grooveshark
*Para ler ao som de “Influencia do Jazz”


 

Lançado em 1963, o primeiro disco do baterista Milton Banana (Antônio de Souza), é uma autêntica aula, a fusão perfeita do Jazz moderno com as modalidades rítmicas/percussivas da música popular brasileira.
Apesar da bateria ser o destaque neste disco, em nenhum momento esconde os demais instrumentos, pois acaba servindo de apoio para todas nuances e improvisações dos demais instrumentistas, com tudo fluindo em perfeita harmonia.
A grande aceitação da música popular brasileira no exterior, no final dos anos 50 e início dos anos 60, com certeza passaram pelas batidas deste grande músico brasileiro.

Para comprar este LP em nossa loja é só clicar aqui

quinta-feira, 8 de março de 2012

Devir lança edição original da saga Incal

A editora Devir lança a edição original da série Incal, agora encadernada.
O escritor e cineasta Alejandro Jodorowsky é um dos nomes mais respeitados e importantes dos quadrinhos mundiais.
Jean Giraud, também conhecido como Moebius, é um dos ilustradores mais influentes de todos os tempos.
Juntos, produziram Incal, uma saga de ficção científica resgatada dos anos 1980, que é reapresentada agora em sua versão com colorido original.

A nova edição tem formato 19 x 26 cm, 304 páginas e preço de R$ 95,00.

Aproveite e confira as resenhas das edições #1, #2 e #3 publicadas pela Devir.

Por Marcelo Naranjo do Universo HQ


Nos anos 80 o diretor francês Pascal Blais começou a produzir uma ousada e fiel adaptação do quadrinho Incal Negro produzido pelos geniais Moebius na arte e Alejandro Jodorowsky nos roteiros, esta produção não vingou mas com a ajuda dos animadores que trabalharam no longa metragem de Heavy Metal foi possível produzir um trailer de 2 minutos e meio que só estava disponível em vhs granulado.

Agora o diretor conseguiu recuperar o trailer, limpando digitalmente as agruras do tempo e remontando com novos elementos. O resultado final é exuberante, para dizer o mínimo. Mas você pode conferir abaixo:


Última Quimera

Ótima oportunidade para dar risada sem ter que pagar por isso.



Livre leitura de uma frase do poema de Mario Quintana
 

O cartunista Orlandeli está disponibilizando suas séries Grump e (SIC) no site Última Quimera.
Orlandeli satiriza o cotidiano, as convenções sociais, o lado ridículo do ser humano e diversas outras temáticas, sempre com muito bom humor.
As atualizações são diárias. Para conhecer, clique aqui.

Por Marcelo Naranjo
Fonte:UniversoHQ

No Dia da Mulher

Vamos ao Pocket News de hoje com uma rodada de dicas de leitura sobre o vasto e único universo feminino em comemoração ao dia internacional da mulher. E a Livraria do Trem aproveita para parabenizar todas as mulheres neste 08 de março.

Da Editora:
Hoje, as mulheres da L&PM indicam leituras de grandes escritoras ou sobre o universo feminino.


Nicolau Maquiavel (1469 – 1527)

Os Textos de Maquiavel ganharam fama de lenda, apesar de considerados por seus contemporâneos como obra do demônio.
Maquiavel era sobretudo um pensador da política e foi o primeiro filósofo a estudar seus mecanismos encarando-a como um tema que está além das doutrinas morais. Sua obra está envolvida em mitos e infâmia, e foi mal compreendida por muitos.


O Diplomata
Em 1494, Florença, a cidade onde Maquiavel morava, caiu sobre o domínio dos franceses e, mais tarde, dos espanhóis. Isso ocorreu após um período de relativa estabilidade e avanço cultural, que contava com o apoio de uma aliança diplomática das cinco cidades-Estados italianas mais poderosas: Veneza, Milão, Nápoles, o Papado e a própria Florença (governada por Lorenzo de Medici). A forma pela qual a sua querida Florença foi forçada a abdicar do poder deixou uma profunda impressão em Maquiavel. Seu interesse político culminou com sua indicação para ser secretário e segundo-chanceler no governo da cidade. O cargo envolvia, sobretudo, tarefas diplomáticas, aproximando-o do universo de manipulações e vinganças dos políticos europeus. Em 1512, após o retorno dos Medici ao poder, ele foi destituído do cargo e, em seguida, entregou-se à sua carreira de “homem das letras”. Seu primeiro e mais famoso livro, O Princípe (1513), baseava-se em suas experiências como diplomata e foi escrito na forma de recomendações sobre a arte de governar para Lorenzo II, de Florença. Na carta que acompanha o livro, diz: “Estou ansioso para oferecer-me a Vossa Magnificência junto com algumas provas de minha devoção, e não encontrei entre os meus pertences nada que me seja tão caro ou que tenha tanto valor para mim quanto minha compreensão dos atos dos grandes homens...”.

O Príncipe foi dedicado a Lorenzo de Medici

O Príncipe
No livro, Maquiavel afirma estar escrevendo uma nova forma de teoria política, pois preocupava-se em apoiar-se na experiência histórica e não em princípios morais ou abstratos. Ele queria persuadir seus contemporâneos de que a prática de governar só pode ser julgada em relação à finalidade buscada por seus praticantes. O primeiro princípio do governo é a consolidação do poder e, por isso, o bom desempenho dos governantes só pode ser avaliado por sua força política. Isso não significa que os fins justificam os meios, pois se estes distanciassem da necessidade de consolidar o poder, sua segurança ele era ameaçada.
Para Maquiavel, o príncipe virtuoso não é o que governa por meio das leis do Bem e do Mal, mas o que mantém “a disposição de fazer todo o necessário pela busca da glória civil”. O termo “maquiavélico” é muitas vezes usado para descrever um tirano, mas isso denota apenas um uso errôneo de suas recomendações. Maquiavel não diz que os governantes devem ser tirânicos. Ao contrário, os governantes tirânicos estão, na verdade, ignorando as recomendações de Maquiavel, quando dizia que o príncipe “devia estar determinado a evitar tudo o tornasse odiado ou desprezado”. Isso significa que ele deve colocar-se acima da moralidade, mas ignorar isso quando estiver correndo riscos.

O Assassinato de César, de Karl T. von Piloty

Os Discursos
A impressão que a leitura de O Príncipe deixa é de Maquiavel como um pensador da política que não se interessava pelas outras formas de governo, mas apenas por seus efeitos em relação ao poder do príncipe. Isso, porém, é um retrato distorcido. Em Os Discursos, ele reflete mais seriamente sobre a finalidade à qual suas recomendações devem estar dirigidas, demonstrando claramente ser um republicano e um precursor do liberalismo moderno que escreve com paixão sobre a constituição e a liberdade.


quarta-feira, 7 de março de 2012

E como é a sua coleção de Gibi?

Na seção “Minha Estante”, no site Pipoca e Nanquim, você encontra as fotos da coleção de grandes colecionadores de HQ’s e, de barbada, uma bela entrevista com o dono da coleção em destaque. Vou postar aqui no blog as fotos da coleção do Érico Assis que é colunista do site Omelete e tradutor de vários trabalhos na Cia. Das Letras e na Panini. Já a entrevista você pode conferir no próprio site “Pipoca e Nanquim” na coluna “Minha Estante # 33” neste endereço:


terça-feira, 6 de março de 2012

Veja o Novo Trailer Dublado de Vingadores

Livros novos por 5 "pilas"

Mais um Pocket News com outros títulos da coleção 64 páginas.  Só não compra um livro quem não quer mesmo.

Da Editora:
Hoje Amanda Zulke fala de mais alguns títulos da nova coleção. São livros para todos os gostos, por apenas R$ 5,00: "O Mistério de Marie Rogêt", de Egar Allan Poe; "O Retrato", de Gogol; "O Gato do Brasil e outras histórias de terror e suspense" e "A aventura de um cliente ilustre seguindo de O Último Adeus de Sherlock Holmes", de Conan Doyle; "120 Tirinhas da Turma da Mônica"; "A mulher mais linda da cidade", de Bukowski; e "Missa do Galo e outros contos", de Machado de Assis.


segunda-feira, 5 de março de 2012

64 páginas por R$ 5,00 II

E para saber um pouco mais da “Coleção 64 Páginas” da L&PM Pocket vamos assistir ao Pocket News de hoje onde a Nanni Rios nos dá algumas dicas de alguns dos 12 títulos lançados este mês pela Editora.

Da Editora:
Chegaram os primeiros títulos da "Coleção 64 Páginas". São contos, poemas e novelas curtas, de autores nacionais e internacionais, sempre com exatas 64 páginas. Os livros custam apenas R$ 5,00 e as versões em e-books saem por R$ 3,00. Confiram!


64 páginas por R$ 5,00

“Certo, o livro é realmente caro e não tem possibilidade de se comprar um bom título por um valor adequado!”
Esse tipo de argumento é comum aqui no Brasil. Porém, com este belo trabalho da L&PM (que já traz ótimos títulos a preços completamente acessíveis) não há mais o que discutir... E somando as publicações da Editora mais famosa de pockets do Brasil com todas as livrarias de sebo que temos: só não compra livros quem não quer.

Da Editora:
64 páginas de pura literatura e com um preço ainda mais sedutor. Esta é a proposta da nova coleção da L&PM Editores que começará a ser publicada no final de janeiro. Serão contos, poemas e novelas curtas, de autores nacionais e internacionais, lançados simultaneamente em papel e e-book, sempre com exatas 64 páginas. Como são textos curtos, eles serão oferecido em sua versão original, sem cortes.



Homenagem a Scliar

Na próxima sexta-feira, será inaugurada no Rio de Janeiro a Escola Municipal Moacyr Scliar, uma homenagem ao escritor gaúcho morto há um ano.
Localizado na zona oeste da cidade, o estabelecimento atenderá 680 alunos. Devem estar presentes na solenidade o prefeito Eduardo Paes e a secretária municipal de Educação, Claudia Costin.

Castelo de Gelo

Uma linda violinista em um cenário de tirar o fôlego fazem parte de uma das combinações mais populares da web nos últimos dias. O vídeo musical Crystallize foi filmado em um castelo de gelo construido nos Estados Unidos. Ainda que a melodia seja interessante, é à beleza da produção que se deve o sucesso de mais de 5 milhões de visualizações no YouTube.





Por Barbara Nickel

Incentivo à Leitura em Porto Alegre

No jornal Zero Hora de hoje foi noticiado que a Capital gaúcha deverá receber R$ 300 mil, ainda este ano, para investimentos no setor do livro e da leitura.


O Plano Municipal do Livro e Leitura foi lançado hoje em Porto alegre. O prefeito José Fortunati sancionou a lei que cria o Plano Municipal do Livro e Leitura (PMLL) hoje às 10h na Pinacoteca Aldo Locatelli. No evento foi criado também o Conselho Municipal do Livro e Leitura, formado por entidades públicas e privadas, que deverão gerir o plano e destinar os investimentos captados.

Algumas das metas do plano são:
Mediadores mais capacitados;
Ampliação de acervos;
Novas bibliotecas comunitárias;
Estandes em parques, praças e outros locais públicos;
Bibliotecas em locais de espera (como postos de saúde) e
Mais livros a um custo menor. (?)

sábado, 3 de março de 2012

Shalom Harlow

Continuando a nossa série “grandes personalidades e a leitura” trazemos hoje uma imagem de Shalom Harlow (uma atriz e modelo canadense) lendo alguns comics dos anos 90.

O Blog “Awesome People Reading” traz para nós, como o próprio nome diz, grandes personalidades em seus momentos de leitura e você, caro leitor, pode encontrá-lo neste endereço: http://awesomepeoplereading.tumblr.com/

Robert Crumb no Pipoca e Nanquim

Neste sábado postamos para você, caro leitor, a edição 108 do programa Pipoca e Nanquim com o especial Robert Crumb. Esta edição está sensacional e repleta de dicas sobre a obra de Crumb dadas pelos apresentadores Daniel Lopes e Bruno Zago.



Aproveitamos para informar que temos a edição disponível para venda* de Bob & Harv é só entrar em contato conosco.



*Verificar a disponibilidade do item em nosso acervo.

sexta-feira, 2 de março de 2012

A MÃE DAS SAGAS

A Marvel cria o primeiro evento oficial envolvendo diversos de seus personagens*


A primeira “grande saga” da Marvel a chamar a atenção do público em geral foi Guerras Secretas, em 1984. E houve uma razão para isso: o evento foi casado com o lançamento da linha de bonecos dos personagens do Universo Marvel pela Mattel. A empresa de brinquedos queria fazer concorrência com a Kenner, que estava com os personagens da DC, e exigiu que ocorresse um grande evento que capitalizasse a atenção dos consumidores (e potencializasse as vendas ligadas ao tema).
Jim Shooter, então editor-chefe da Marvel, se encarregou do projeto, concebendo Guerras Secretas, uma minissérie em 12 edições com diversos heróis e vilões da Casa das Idéias. Porém, nas revistas mensais haveria um desaparecimento dos personagens envolvidos, que voltariam na edição seguinte com com alterações decorrentes da saga. O leitor teria de acompanhar a minissérie (por um ano) para descobrir como aconteceram essas alterações.
Recentemente relançada pela Panini em um encadernado, Guerras Secretas também foi lançada originalmente no Brasil de modo casado. Na época, a Gulliver pretendia lançar os bonecos da Mattel no Brasil, mas a Editora Abril estava com a cronologia da Casa das Idéias bastante atrasada. A solução foi publicar Guerras Secretas com as já famosas “alterações” promovidas pela editora: edições de imagens, cortes de personagens e alterações de balões. Essa foi a saída encontrada pela Abril para não comprometer a cronologia “nacional”.
Assim, também saíram 12 edições de Guerras Secretas no Brasil. Quando os leitores começaram a descobrir o que havia acontecido, teve início uma enxurrada de pedidos para o lançamento da versão na íntegra, o que finalmente aconteceu em Teia do Aranha #62 a #66.

*Por Paulo Agria na revista Wizmania Especial Nº 1, página 06.

Aqui na Livraria do Trem você pode encontrar as 12 edições originais (brasileiras) da saga Guerras Secretas.

Dylan Lendo

Continuando a nossa série “grandes personalidades e a leitura” trazemos hoje uma imagem de Dylan (que dispensa apresentações) lendo...


O Blog “Awesome People Reading” traz para nós, como o próprio nome diz, grandes personalidades em seus momentos de leitura e você, caro leitor, pode encontrá-lo neste endereço: http://awesomepeoplereading.tumblr.com/

Jornalismo + Rum = Hunter S. Thompson

Para esta sexta-feira no fim de tarde que tal ler agora mesmo o livro “Rum: Diário de um Jornalista Bêbado” de Hunter S. Thompson? Pois é, essa é a dica de hoje do Pocket News da L&PM Web TV. Além deste fantástico livro a Amanda Zulke nos recomenda outros títulos deste mesmo autor.

Da Editora:
Mais conhecido como gonzo, Thompson surpreendeu os leitores quando Rum foi publicado em 1998, depois de ficar quase quarenta anos engavetado. O romance prenuncia as obras de ruptura, escritas na maturidade do autor. Outra sugestão do jornalista é "Medo e Delírio em Las Vegas", que se tornou um clássico da contracultura; e "Hell's Angels", o retrato da gangue de motociclistas que atormentava os americanos.



Blind Faith – Blind Faith (1969)



Do What You Like by Blind Faith on Grooveshark
*Para ler ao som de Blind Faith – Blind Faith – Do What You Like

O único e auto intitulado álbum do Blind Faith, foi lançado em 1969. O super grupo era formado por Eric Clapton, Ginger Baker (ambos ex-Cream), Steve Winwood (ex-Traffic) e Ric Grech (ex-Family).


O LP marcou o cenário do rock não apenas pelos seus riffs fortes e marcantes, que contrastavam com bases limpas e melodiosas e pelo o vocal de que dava um certo ar de melancolia a as músicas.

Mas também gerou muita polêmica devido sua capa, que trazia uma garota de 11 anos (Mareora Goscen) com os seios a mostra segurando um objeto fálico, algo tipo "avião prateado ultra moderno", criado por um joalheiro irlandês. Na época a capa foi censurada em vários países, inclusive no Brasil.

Porém, polêmicas a parte, isso não ofuscou o brilho deste único e grande álbum.

Para comprar este disco é só clicar aqui

quinta-feira, 1 de março de 2012

L&PM Anarquista

O Pocket News de hoje recomenda a “Série Anarquista” publicada pela Editora. Vamos ver quais são as dicas de leitura oferecida a nós pela apresentadora Nanni Rios.

Da Editora:
Em post no Blog da editora, Ivan Pinheiro Machado resgata a "série anarquista", publicada na L&PM no conturbado contexto do final dos anos 70 e início dos anos 80. Hoje, renomados escritos anarquistas estão reeditados na coleção Pocket: "A Propriedade é um roubo", de Proudhon; "História das Ideias e Movimentos Anarquistas", em dois volumes por Woodcock e "Textos Anarquistas", de Bakunin.


Ernest Miller Hemingway

Continuando a nossa série “grandes personalidades e a leitura” trazemos hoje uma imagem de Ernest Miller Hemingway que está muito confortavelmente lendo... Ele foi um escritor norte-americano que trabalhou como correspondente de guerra em Madrid durante a Guerra Civil Espanhola e a experiência inspirou uma de suas maiores obras, Por Quem os Sinos Dobram. Ao fim da Segunda Guerra Mundial se instalou em Cuba


O Blog “Awesome People Reading” traz para nós, como o próprio nome diz, grandes personalidades em seus momentos de leitura e você, caro leitor, pode encontrá-lo neste endereço: http://awesomepeoplereading.tumblr.com/

Deus é Inocente: a imprensa, não | Carlos Dorneles | Globo | 2ª reimpressão 2003



Os Estados Unidos declaram guerra ao Afeganistão após o atentado ao World Trade Center, provocado por fanáticos islâmicos que invejam a prosperidade do Ocidente. A afirmação lhe parece familiar? Pois Deus é inocente é a desconstrução deste e de muitos outros mitos criados pela mídia. Numa análise que incluiu a leitura dos mais renomados jornais e revistas do planeta em todo o ano que se seguiu ao fatídico 11 de setembro de 2001, Carlos Dorneles revela a unilateralidade da imprensa mundial, condescendente com a hegemonia política norte-americana. Mais que isso: mostra como ela pode vender ideologias, publicar fatos não comprovados, transformar religiões e povos em ameaças para toda a civilização.
A obra traz também, em painel assombroso, os resultados das investidas do poderio militar norte-americano contra uma nação já devastada pelo regime Talibã; o perigo do "achismo" quando aliado ao preconceito, refletido no caso dos prisioneiros de guerra enjaulados em Guantánamo; a guerra do terceiro milênio, cuja sofisticação é a terceirização de massacres; a eterna "retaliação" de Israel contra os homens-bomba palestinos; o que levou a atenção do mundo a se voltar para o Iraque, e em que isso beneficia o presidente George W. Bush.
O mais interessante em Deus é inocente, porém, é que todos somos coadjuvantes dessa trama, identificando nossos papéis na medida em que nos resvalamos ou não no que nos é imposto pela mídia.

Livro usado por: R$ 28,90
Edição esgotada

Chegaram alguns títulos de Noam Chomsky

Hoje trazemos a dica de três títulos que acabaram de chegar aqui na livraria. Eles são de autoria de Avram Noam Chomsky (Filadélfia, 7 de dezembro de 1928) que é um lingüista, filósofo e ativista político estadunidense.

Ele é professor de Lingüística no Instituto de Tecnologia de Massachusetts.
Seu nome está associado à criação da gramática ge(ne)rativa transformacional, abordagem que revolucionou os estudos no domínio da lingüística teórica. É, também, o autor de trabalhos fundamentais sobre as propriedades matemáticas das linguagens formais, sendo o seu nome associado à chamada Hierarquia de Chomsky.
Seus trabalhos, combinando uma abordagem matemática dos fenômenos da linguagem com uma crítica do behaviorismo, nos quais a linguagem é conceitualizada como uma propriedade inata do cérebro/mente humanos, contribuem decisivamente para a formação da psicologia cognitiva, no domínio das ciências humanas.
Além da sua investigação e ensino no âmbito da lingüística, Chomsky é também conhecido pelas suas posições políticas de esquerda e pela sua crítica da política externa dos Estados Unidos. Chomsky descreve-se como um socialista libertário, havendo quem o associe ao anarcossindicalismo.
O termo chomskiano é habitualmente usado para identificar as suas idéias lingüísticas embora o próprio considere que esses tipos de classificações (chomskiano, marxista, freudiano) "não fazem sentido em nenhuma ciência", e que "pertencem à história da religião, enquanto organização".

E os títulos que estão à venda aqui em nosso sebo são:

11 de Setembro | Noam Chomsky | Bertrand | 8ª edição de 2003


Esta obra reproduz uma série de entrevistas feitas com Noam Chomsky por diversos jornalistas no período de um mês que se seguiu aos atentados de 11 de setembro de 2001 ao Word Trade Center e ao Pentágono. Grande parte das entrevistas foi conduzida por e-mail, e muitas com jornalistas estrangeiros que falavam e escreviam o inglês como seu segundo idioma. Embora algumas das entrevistas tenham sido realizadas logo nos oito dias que se seguiram aos atentados, os textos foram reeditados, aumentados e revistos, sempre considerando as informações que iam sendo divulgadas, até o livro ser liberado para impressão, em 15 de outubro. Assim, algumas entrevistas datadas de setembro podem conter referências a episódios ocorridos em outubro. Além disso, no processo de edição do texto, alguns trechos, que repetiam perguntas ou respostas, já incluídas em outras entrevistas, foram cortados, embora, vez por outra, a menção repetida a um determinado fato tenha sido mantida, intencionalmente, como ênfase.

Livro usado por: R$ 16,50

Poder e Terrorismo: Entrevistas e Conferências Pós - 11 de Setembro | Noam Chomsky | Record | 1ª edição de 2005


Esta obra apresenta idéias de Noam Chomsky pós 11 de setembro. Reproduz uma série de palestras realizadas em Nova York e na Califórnia, além uma entrevista inédita. Em um tom informal, o lingüista e ativista político aborda a atuação dos EUA desafiando Washington a aplicar os mesmos padrões morais que demanda de inimigos ou mesmo de parceiros a suas ações na política externa

Livro usado por: R$ 16,50

Propaganda e Consciência Popular | Noam Chomsky | Signum/EDUSC | 1ª edição de 2003


Entrevistas onde o lingüista Noam Chomsky analisa fatos da mídia. Ele problematiza idéias que há muito tempo acostumamos a pensar como "naturais" ou "inerentes" à existência humana, com a desigualdade social, a miséria, a guerra e a poluição.

Livro usado por: R$ 28,90

Novo lançamento de Agatha Christie na L&PM Pocket

Para os fãs da “Rainha do Crime”, Agatha Christie, temos boas novidades. Acaba de ser lançado mais um romance da autora na série pocket da Editora L&PM. Veja mais este Pocket News que é uma produção da L&PM Web TV desenvolvido pelo núcleo de comunicação da Editora.

Da Editora:
"Convite para um homicídio" já faz parte da coleção L&PM Pocket. O romance é uma das histórias mais engenhosas da rainha do crime. Mas foi "Ausência na Primavera" o livro que a autora sempre quis escrever. Fugindo do romance policial, foi publicado sob o pseudônimo de Mary Westmacott. A investigação agora é a da alma humana, seus conflitos e emoções.




Aproveitando a dica da L&PM informamos aos nossos clientes que estamos com um exemplar da autora (usado) “A Maldição do Espelho”. O livro está em ótimo estado de conservação e ao preço de R$ 15,00. O exemplar é da Editora Nova Fronteira.

Então fica a dica...


Para maiores informações sobre títulos disponíveis em nosso acervo é só entrar em contato conosco por e-mail (livrariadotrem@terra.com.br).